Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Dois pioneiros da cidade vão receber títulos de Cidadão Honorário propostos pela vereadora Eliene
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Dois pioneiros da cidade vão receber títulos de Cidadão Honorário propostos pela vereadora Eliene

Os pioneiros Hamilton Albino Andreolli e Magleano Baesse Carvalho foram contemplados na sessão extraordinária de quinta-feira (17) com os títulos de Cidadão Honorário, propostos pela vereadora Eliene Soares (MDB), por meio dos projetos de Decreto Legislativo nº 41 e 42, “pelos relevantes serviços prestados ao município de Parauapebas”.

  • Publicado: Segunda, 21 de Dezembro de 2020, 13h07

Hamilton Albino
De acordo com histórico de Hamilton Albino apresentado pela vereadora, o homenageado tem contribuído para o crescimento local, atuando como técnico da área de elétrica e como empreendedor, gerando emprego e renda. Natural de Itápolis, interior do Estado de São Paulo, ele nasceu em 4 de abril de 1961 e veio morar em Parauapebas como tantos visionários que, lá atrás, apostaram no desenvolvimento desta terra.

Casado, pai de dois filhos e avô de três netos, Andreolli chegou aqui em 1998 para trabalhar na implantação do sistema de energia de Parauapebas pelo antigo Grupo Rede, que mais tarde virou Celpa e hoje Equatorial.

Técnico operacional da área de elétrica, Andreolli, na verdade, quando veio a trabalho ao Pará, moraria em Xinguara, mas depois de conhecer Parauapebas e acreditar que o município, com então 65 mil habitantes deslancharia, não teve dúvidas e pediu sua transferência para cá.

“Andreolli prosperou de mãos dadas com Parauapebas e tornou-se dono de espaço de eventos no Bairro Liberdade, abriu loja de materiais elétricos na Rua 14, uma das mais movimentadas da cidade, deu oportunidade a muita gente, empregou, gerou renda, impulsionou e aqueceu a economia de Parauapebas”, destaca Eliene Soares.

Magleano Baesse
Sobre Magleano Baesse, a legisladora explica que ele nasceu no dia 6 de janeiro de 1975 em Araguari (MG) e no ano de 1983 sua família migrou para a cidade de Arapoema (TO), atraída por terras doadas pelo governo federal, que na época mantinha projeto de incentivo ao povoamento de área pouco habitada.

No ano de 1985 a família chegou ao sul do Pará, com muitos sonhos e projetos a realizar. No início da década de 90 nasceu a empresa Carvalho & Baesse Ltda. (Cimag), uma pequena distribuidora de cimento, que cresceu e se expandiu significativamente, tornando-se pioneira e principal distribuidora da região.

Na época, Parauapebas e região estavam em meio a um grande desenvolvimento, com grandes oportunidades de investimento, tanto na pecuária como no comércio, daí por diante começava uma trajetória de vida de sucesso. Sua função era a terraplanagem, transportes e locação de equipamentos.

Hoje o Grupo Transmag, à frente o presidente Magleano Baesse, se destaca pelo atendimento ao cliente, comportando como uma empresa de grande porte, tanto em qualidade quanto competência na conclusão dos serviços prestados, sem perder os princípios básicos que levou o grupo até aqui, sendo a simplicidade e valorização do ser humano.

Depois de serem apresentados em plenário, os dois projetos foram aprovados pelos demais vereadores. A entrega das comendas ocorrerá em sessão solene a ser marcada pela propositora junto à mesa diretora do Legislativo.

Texto: Waldyr Silva / Fotos: Kleyber de Souza

registrado em:
Fim do conteúdo da página